Itália confisca iates e mansões de bilionários russos.

Le Blog Maria Antonia Publicado em 06/03/2022, às 20h11

Foto : Reprodução

A polícia italiana apreendeu mansões e iates no valor de pelo menos 140 milhões de euros (o equivalente a US$ 153 milhões) de quatro bilionários russos que foram incluídos em uma lista de sanções da União Europeia (UE) após o ataque da Rússia à Ucrânia, disseram fontes neste sábado.

Por causa das sanções já anunciadas pela União Europeia contra a Rússia, que invadiu a Ucrânia no último dia 24, os bilionários russos que mantinham seus megaiates ancorados em portos do velho continente optaram por tirá-los de lá, temendo novas sanções que resultassem na apreensão de seus brinquedos marítimos, e moveram seus iates para as Maldivas.

A União Europeia busca isolar a economia da Rússia e cortar as fontes de financiamento que abastece a invasão à Ucrânia.

Sete bancos russos foram excluídos do Swift, sistema bancário internacional.

Fotos : Reprodução