Governo da Ucrânia diz que Kiev é alvo de novos ataques na madrugada desta sexta

Um ataque com mísseis atingiu um posto de fronteira ucraniano na região sudeste de Zaporizhzhya

Reprodução

De acordo com relatos de assessor do governo da Ucrânia, os bombardeios no país continuam nesta sexta-feira (25). Durante a madrugada no país, Anton Gerashchenko, do Ministério de Assuntos Internos ucraniano, afirmou que a capital Kiev foi alvo de explosões no começo do dia, publicou a CNN.

“Os ataques a Kiev com mísseis balísticos ou de cruzeiro continuaram”, disse Gerashchenko a repórteres por mensagem de texto. Uma equipe da CNN no local relatou ter ouvido duas grandes explosões no centro de Kiev e uma terceira explosão alta à distância no início da sexta.

Um ataque com mísseis atingiu um posto de fronteira ucraniano na região sudeste de Zaporizhzhya, matando e ferindo alguns guardas, informou o Serviço de Guarda de Fronteira nesta sexta. A região não tem fronteira terrestre com a Rússia, mas está localizada na costa do mar de Azov.

As forças russas que entraram na Ucrânia através de Belarus estão a cerca de 32 quilômetros da capital, disseram autoridades do governo Biden a parlamentares americanas em um briefing nesta quinta-feira (24), de acordo com duas fontes na conversa.

As autoridades descreveram outro elemento russo que entrou na Ucrânia vindo da Rússia um pouco mais longe, mas que ambos estão indo para Kiev com o objetivo de cercar a cidade e potencialmente derrubar o governo ucraniano, de acordo com o legislador na ligação. (Informações da CNN)