Fim de semana começa com 3,1 mil casos ativos de Covid-19 em Mato Grosso do Sul

Casos ativos representam a quantidade de pessoas infectadas com a doença, entre internados e isolados em casa

NAIARA CAMARGO

26/03/2022 12:45

Dados do boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES) indicam que existem 3.104 casos ativos de Covid-19 neste sábado (26) em Mato Grosso do Sul.

Isto signfica que 3.104 pessoas estão com infectadas com a doença nesse exato momento no Estado.

Caso ativo é a soma de pessoas em isolamento domiciliar e hospitalizados. Existem 3.050 sul-mato-grossenses em isolamento domiciliar e 54 hospitalizados.

Dentre os internados deste sábado (26), 20 estão em leitos clínicos (13 público; 7 privado) e 34 em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) (30 público; 4 privado). Recuperados somam em 509.803 pessoas.

CASOS E MORTES

Dados mostram que 421 pessoas testaram positivo para Covid-19 nas últimas 24 horas em Mato Grosso do Sul.

Com isso, o Estado totaliza 523.388 casos confirmados desde o início da pandemia. A média móvel de casos dos últimos sete dias é de 535,3. A taxa de contágio não foi divulgada.

Os casos confirmados neste sábado (26) são dos municípios de Campo Grande (138), Itaporã (98), Paranaíba (61), Ladário (24), Sonora (15), Naviraí (11), Dourados (7), Santa Rita do Pardo (7), Amambai (6), Bonito (6), entre outros municípios.

O Estado totaliza 10.481 óbitos desde o início da pandemia, sendo 2 nas últimas 24 horas. 

A média móvel de óbitos dos últimos sete dias encontra-se em 2,1 e a taxa de letalidade em 2,1%. As mortes são dos municípios de Campo Grande e Sidrolândia.

Desaceleração e estabilidade

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, o avanço da vacinação é responsável pela queda no número de internados, casos, óbitos e taxa de letalidade da Covid-19.

"A gente observa numero de casos, óbitos, internações mais baixos. Nós continuamos observando a possibilidade ou não de novas variantes. Tivemos diminuição da média móvel de casos e mortes", afirmou a secretária adjunta de Saúde, Christinne Maymone.

Após melhora na pandemia, o governo de Mato Grosso do Sul liberou o uso da máscara facial em locais fechados e abertos.

Campo Grande liberou, oficialmente, o uso da máscara em locais fechados nesta terça-feira (22), conforme noticiado pelo Correio do Estado.

A exceção é para o transporte coletivo, transporte por aplicativo, táxi, hospitais, consultórios e unidades de saúde.

O infectologista Julio Croda acredita que a pandemia da Covid-19 esteja próxima do fim, conforme noticiado pelo Correio do Estado.

Croda diz que ainda neste ano, a pandemia pode entrar em uma fase endêmica, com menos impactos na saúde.

Essa passagem de pandemia para endemia, segundo ele, significa que o impacto da doença em internações e mortes será menor.

Christinne Maymone afirmou que a doença está controlada em Mato Grosso do Sul, mas que a SES permanece monitorando o que acontece em outros países que possuem novas variantes, como Reino Unido, França e China. 

Sintomas da Covid-19

É possível que o cidadão esteja infectado com o vírus da Covid-19 caso apresente os seguintes sintomas:

  • Febre
  • Tosse seca
  • Perda do olfato
  • Perda do paladar
  • Falta de ar
  • Dificuldade para respirar
  • Dor ou pressão do peito

Transmissão

O meio de transmissão da Covid-19 se dá por inalação ou contato com gotículas de saliva, secreções respiratórias ou superfícies contaminadas. Portanto, a transmissão pode ocorrer por meio de:

  • Tosse
  • Espirro
  • Catarro
  • Apertos de mão
  • Contato pessoal próximo
  • Contato com objetos contaminados

Prevenção

Existem inúmeras formas de se prevenir o contágio e proliferação da Covid-19. Confira:

  • Vacinação contra Covid-19
  • Uso de máscara
  • Uso de álcool gel
  • Lavagem das mãos com água e sabão
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca
  • Não compartilhar objetos pessoais
  • Ventilar ambientes
  • Evitar aglomerações e espaços fechados