Filho de Cid Moreira pede a prisão do pai por crimes de homofobia e trabalho infantil

Roger Moreira, filho do jornalista Cid Moreira, entrou com o pedido de prisão na Justiça

DA REDAÇÃO

16/04/2022 18:00

O filho do apresentador Cid Moreira, Roger Moreira, pediu a prisão do pai por crimes de homofobia e trabalho infantil. O advogado de Roger entrou com um pedido de abertura de inquérito policial no Ministério Público do Rio de Janeiro. 

Roger diz que foi adotado por Cid Moreira porque ele queria um "empregado", e não um filho, e que agora tenta prejudicar ele financeiramente. Na última quinta-feira (14/4), foi protocolado na Justiça o pedido de prisão por supostos crimes praticados pelo jornalista e a esposa, Maria de Fátima, contra o rapaz. 

- ROGERIO FIDALGO/AGNEWS

No processo, ambos são acusados de homofobia e trabalho infantil. Segundo Angelo Carbone, advogado de Roger, Cid depois de se casar com Maria de Fátima Sampaio, o jornalista teria tentado desfazer a adoção de Roger sob o argumento do filho ser gay. 

Entre outros crimes, além de adotar um menor para empregá-lo, também existiu o impedimento de estudo do jovem.  O advogado alega ainda que Cid proibiu o filho de estudar na adolescência, violando obrigações previstas pelo ECA.

Se for comprovado os crimes de homofobia e trabalho infantil, Cid Moreira pode sofrer uma pena de 10 anos de prisão, em regime ainda a ser deferido.