Três meses após desabamento, ponte do Rio Salobra será reconstruída

Ponte desabou com peso de caminhão carregado de areia, em dezembro de 2018; trecho era usado como acesso de Bodoquena a balneários e assentamentos rurais

Silvia Frias
Ponte desabou com o peso de caminhão carregado de areia (Foto/Arquivo: Direto das Ruas)
A empresa Sotef Engenharia será responsável pela construção da ponte de concreto armado sobre o Rio Salobra, no assentamento Canaã, em Bodoquena, distante 266 quilômetros de Campo Grande. A estrutura de madeira na MS-138 desabou no dia 27 de dezembro de 2018. A escolha foi definida ontem, na abertura da licitação na prefeitura. O valor orçado pela obra é de R$ 1,7 milhão, que prevê a construção de ponte de concreto de 50 metros de comprimento. A partir da assinatura da ordem de serviço, a empresa terá 180 dias para execução do trabalho. A ponte de madeira estava em trecho distante oito quilômetros da cidade, usada como acesso de Bodoquena a balneários, pousadas e assentamentos rurais. Parte da estrutura desabou com o peso de caminhão carregado de areia. Desde o acidente, a prefeitura fez desvio para travessia de veículos. Para evitar transtornos em dias de chuva, quando ocorre o aumento do nível do rio, foi usada uma balsa para a passagem dos veículos. A Secretaria Municipal de Obras construiu passarela suspensa para a travessia de pedestres.