Tomar aspirina a cada três dias reduz risco de infarto, aponta pesquisa

Substância ‘afina’ o sangue