Tempestade interrompe evento de reabertura em NY enquanto furacão Henri se aproxima

Show foi paralisado por ameaça de tempestade de raios; furacão Henri pode chegar no domingo

Por G1

21/08/2021 22h04  Atualizado há 7 horas

Show marcava a reabertura da cidade de Nova York; autoridades pediram para que público buscasse abrigo — Foto: REUTERS/Eduardo Munozhttps://95fe0532870b2f0e1e47c7ef6f034189.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Um evento realizado no Central Park, em Nova York, neste sábado (21) precisou ser interrompido às pressas por conta do risco de uma tempestade de raios. O fenômeno acontece enquanto a tempestade tropical Henri foi reclassificada como furacão e pode atingir a costa nordeste dos EUA neste domingo (22).

O show celebrava a reabertura da cidade para eventos com público e o relaxamento das medidas de proteção contra a pandemia da Covid-19. Milhares de pessoas vacinadas assistiam à apresentação de Barry Manilow por volta das 19h30 (horário local) quando o show foi interrompido e autoridades pediram para as pessoas buscarem abrigo em carros e outros locais.

Segundo vídeos divulgados em redes sociais, as pessoas deixaram o local de forma ordenada e sem confusão.

O show havia sido anunciado em julho e contou com a participação da Orquestra Filarmônica de Nova York, e contou com a presença de Jennifer Hudson, Carlos Santana, LL Cool J, e a banda Earth, Wind and Fire.

Caso toque o solo, o Henri será o primeiro furacão desde 1991 a chegar à região. Em setembro daquele ano, o furacão Bob causou destruição no estado de Massachusetts.

ESTADOS UNIDOS