Polícia Militar Ambiental de Bela Vista autua infrator em R$ 2 mil por realizar limpeza e incendiar vegetação

Polícia Militar Ambiental de Bela Vista autua infrator em R$ 2 mil na operação Prolepse contra os incêndios por realizar limpeza e incendiar vegetação

O Comando da Polícia Militar Ambiental determinou que os Policiais das 26 Subunidades no Estado, que trabalham na Operação Prolepse de prevenção aos incêndios, que realizam informações e distribuição de folhetos informativos nas propriedades rurais, dessem uma atenção especial para coibir todos os tipos de queima rurais e urbanas.

Hoje (25), Policiais Militares Ambientais de Bela Vista localizaram em uma propriedade rural, localizada a 40 km da cidade no município mais um incêndio. O dono da fazenda havia realizado uma limpeza de pastagem na propriedade e havia incendiado as galhadas, folhagens e arbustos da limpeza, em vários amontoados, atingindo também um capão de vegetação de 1 hectare, sem ter a autorização ambiental.

O infrator (55), residente em Bela Vista, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 2.000,00 pela infração ambiental cometida. Ele também poderá responder por crime ambiental de funcionar atividade potencialmente poluidora sem autorização ambiental, com pena de um a seis meses de detenção. A queima controlada, tanto novas, como para quem possuía autorização está proibida em Mato Grosso do Sul.