PMA de Jardim e Bonito prendem e autuam infrator por pescar utilizando petrecho ilegal do tipo rede em corredeira, onde a pesca é proibida

Equipes das Policiais Militares Ambientais de Jardim e Bonito realizavam fiscalização conjunta no rio Miranda, na operação Hot Point no município de Jardim e autuaram ontem (21) à tarde, um pescador, de 40 anos, por pescar em local proibido (corredeira) e ainda armando redes de pesca que também é proibido.

Os Policiais chegaram ao local denominado Quinta Corredeira e surpreenderam dois pescadores amadores praticando a pesca predatória com redes de pesca, um pescador fugiu em direção a uma mata próxima e ainda não foi localizado. O petrecho foi apreendido. O outro pescador que iniciava a pescaria e ainda não tinha capturado nenhum pescado, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 700,00.

Além da multa administrativa, a atitude caracteriza-se crime ambiental e o infrator recebeu voz de prisão e foi conduzido à delegacia de Polícia Civil, onde foi autuado em flagrante por crime ambiental de pesca predatória e saiu depois de pagar fiança.  Ele responderá ao crime em liberdade e poderá pegar pena de um a três anos de detenção. As normas proíbem a pesca a 200 metros a montante e a jusante das cachoeiras e corredeiras, pois é alta a vulnerabilidade dos cardumes nesses locais dos rios e, por esta razão, existe a proibição da pesca.