Pastor é flagrado fazendo sexo em carro com fiel e indígenas denunciam extorsão

Programa Disk 100 da Secretaria de Direitos Humanos levou o caso ao conhecimento da polícia       Foto: Divulgação = Denúncia anônima levou a Polícia Civil ao nome de um líder religioso, suspeito de extorquir fiéis no Município de Dourados, ele também foi flagrado fazendo sexo com uma fiel dentro de um carro da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai). O líder em questão não teve o nome divulgado, o boletim foi feito hoje (4) contra o mesmo que é pastor na Igreja Batista Indígena.   A comunidade indígena em questão faz denúncias contra o homem e praticamente todos conhecem os atos praticados pelo suspeito, é o que aponta o site Mato Grosso do Sul News.   Além de cobrar taxas de fiéis da aldeia, não somente o homem em questão, mas vários líderes indígenas são denunciados pela comunidade. Grande parte de denúncias relacionadas a abusos sexuais contra menores, para não serem denunciados as autoridades os líderes acabavam pagando as despesas de família, como forma de comprar o silêncio de responsáveis pelas vítimas. Segundo o site, o Conselho Tutelar da aldeia está inoperante.   O site MSG alertou ainda, que nas próximas semanas devem haver mais denúncias contra líderes religiosos. A Polícia Civil do município investiga as denúncias. FONTE: MS Notícia