‘Moda’ chega em Campo Grande e até pizzaria dá desconto para quem comprovar vacinação

Só para retirada no balcão, quem vacinou 1ª recebe 10% de desconto, já quem vacinou as duas doses ou a dose única tem 15% de desconto nas pizzas

Lucas Mamédio Publicado em 26/08/2021, às 08h14

(Foto: Arquivo Pessoal)

Vale de tudo para incentivar vacina, ou seria, para vender? Bom, tem muito empresário unindo o útil ao agradável. Começou a pipocar pelo país comércios que concedem desconto mediante a apresentação do comprovante de vacinação.

A medida serviria tanto para incentivar a imunização quanto para atrair clientes. Além disso, num contexto mais geral, poderia ajudar a vacinação em massa e no retorno à vida de antes da pandemia.

São Paulo já registra vários exemplos assim. Uma reportagem da Folha de São Paulo do começo deste mês mostrou que o ramo da alimentação, as opções vão de pizzarias a restaurante de comidas saudáveis. Também é possível usar a carteirinha de vacinação para ter descontos em serviços como depilação e limpeza de estofados.

Na Grande São Paulo, alguns shoppings estão dando gratuidade no estacionamento para quem apresentar um comprovante de que já foi imunizado. Outra empresa que criou iniciativa semelhante é a Porto Seguro, com desconto de 5% a 10% no preço do primeiro ano do seguro de vida flexível da companhia.

Em Campo Grande a incitativa já encontra adeptos. A pizzaria Forneria 67 começou a divulgar que, mediante a comprovação por meio da carteirinha, pessoas que vacinaram a 1ª recebem 10% de desconto, já quem vacinou as duas doses ou a dose única tem 15% de desconto nas pizzas. A promoção só é válida para quem retirar no balcão.

“Nós achamos muito importante a vacinação e imunização completa. E como tem uma galera que não tomou, quisemos incentivar a ter essa consciência coletiva e também beneficiar quem já fez”, disse a dona Juliana Silva.

A medida tem sido bastante elogiada pelas pessoas, mas Juliana ainda explica que isso ainda tem refletido em venda. “A venda tem sido bem menos do que gostaríamos, mas todo dia tem um galera que nos procura até para parabenizar a ação”.