Governo de MS suplementa R$ 49,1 milhões para saúde, educação e manutenção da PGE

Foram suplementados valores do Fadefe e do Hospital Regional

A suplementação do Governo de Mato Grosso do Sul desta segunda-feira (29) tem valor de R$ 49.147.446,00 destinados à saúde, educação e manutenção da PGE (Procuradoria-Geral do Estado). Os valores foram publicados no Diário Oficial do Estado. A suplementação, termo usado pela administração pública, basicamente, é quando um recurso é retirado de uma determinada área para aplicação em outra, ainda dentro do Poder Público. Foram cancelados R$ 30.000.005,00 de operacionalização do Fadefe (Fundo de Apoio ao Desenvolvimento Econômico e de Equilíbrio Fiscal do Estado). Portanto, do Fundo Especial da PGE foram cancelados R$ 400 mil que eram destinados à construção da sede da Procuradoria e repassados para indenização da folha de pessoal. Também foram cancelados R$ 600 mil da gestão operacional e modernização da PGE. A movimentação da fundo foi então de R$ 1 milhão. Entretanto, o governo também suplementou valores do Fundo Especial de Saúde. R$ 17.904.441,00 destinados para gestão e operacionalização do Hospital Regional foram cancelados e repassados para combate ao coronavírus. O fundo repassou R$ 20 mil para Estruturação de Unidades para Qualificação da Vigilância em Saúde. A Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário de Extensão Rural) vai receber R$ 223 mil para pesquisa. Governo de MS suplementa R$ 49,1 milhões para saúde, educação e manutenção da PGE