Contabilidade ‘organizada’ em prostíbulo incriminou ‘Dani Gaúcha’, diz delegado

A mulher mantinha uma mansão luxuosa como local de prostituição