Warning: Parameter 2 to M_DataMapper::set_custom_wp_query_where() expected to be a reference, value given in /home/ancorane/public_html/wp-includes/class-wp-hook.php on line 286

Warning: Parameter 2 to M_DataMapper::set_custom_wp_query_groupby() expected to be a reference, value given in /home/ancorane/public_html/wp-includes/class-wp-hook.php on line 286

Warning: Parameter 2 to M_DataMapper::set_custom_wp_query_fields() expected to be a reference, value given in /home/ancorane/public_html/wp-includes/class-wp-hook.php on line 286

Warning: Parameter 2 to M_DataMapper::set_custom_wp_query() expected to be a reference, value given in /home/ancorane/public_html/wp-includes/class-wp-hook.php on line 286
Autódromo tem modificações para receber etapa da Truck – Ancora News

Autódromo tem modificações para receber etapa da Truck

Palco da corrida de caminhões passou por reparos para melhorar a segurança aos pilotos

11 ABR 19 - 07h:30JONES MÁRIO
Final da reta oposta ganhou muro com pneus e saída dos boxes recebeu proteção - Foto: Valdenir Rezende / Correio do Estado
O Autódromo de Campo Grande recebeu modificações para sediar a segunda etapa do campeonato 2019 da Copa Truck, neste fim de semana. As mudanças foram motivadas por incidentes ocorridos no ano passado e pretendem melhorar a segurança oferecida aos pilotos. Os reparos fazem parte do programa de melhorias elaborado por Fundação Municipal de Esportes (Funesp) e Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Sisep) no ano passado. Segundo o vice-presidente da Federação de Automobilismo de Mato Grosso do Sul (Fams), Flávio Leite, os serviços começaram a ser feitos em março. “São modificações por questões de segurança. Além de pintura e parte elétrica, foram feitas modificações na área de pit lane (saída dos boxes), com uma proteção, e um muro reforçado com pneus no final da reta oposta”, apontou. Em 2018, a etapa da Stock Car ficou marcada por um acidente na categoria Light, exatamente na área de saída dos boxes. Quatro pessoas foram atropeladas depois de uma colisão entre dois carros. Outro imprevisto registrado na corrida seria menor caso o muro no fim da reta oposta já existisse. Ainda de acordo com Leite, as reformas começaram tarde e novas mudanças devem ser feitas até o retorno da Stock Car, previsto para agosto. “Para a Copa Truck foi feito o mínimo. Até a Stock Car tem bastante coisa para ser feita, que foram definidos em um caderno de encargos entregue para a Funesp”. Entre as modificações planejadas estão o aumento na largura da área de boxes, de dez para 12 metros, e redesenho em uma das curvas do traçado. O cronograma de obras feito por Funesp e Sisep prevê serviços até 2020. O principal trabalho projetado é refazer todo o asfalto do circuito. MOVIMENTAÇÃO Os primeiros caminhões e carros das categorias que acompanham a Copa Truck começaram a chegar no Autódromo de Campo Grande ontem. Na soma, pelo menos 60 máquinas e pilotos estão inscritos para as provas na Capital. Além das corridas entre os veículos pesados, o fim de semana de velocidade terá a segunda etapa do Mercedes-Benz Challenge e a primeira rodada dupla da história da Hyundai Copa HB20, novo campeonato do automobilismo brasileiro. Os ingressos para a etapa têm preços promocionais no site oficial da Copa Truck, com valores que variam de R$ 28 a R$ 180. Os preços sobem a partir de sábado.