Após ver foto na web, fisioterapeuta se comove e dá cirurgia para jovem que perdeu 55 kg remover excesso de pele

Por Carolina Paschoalon*, G1 Rio Preto e Araçatuba

Miriellen perdeu 55kg em 10 meses apenas com dieta e alimentação — Foto: Reprodução/Instagram

O acaso fez com que a jovem Miriellen Andrade, de 25 anos e moradora de Caçapava (SP), ganhasse uma cirurgia plástica para remover o excesso de pele que ficou depois de emagrecer 55 quilos em 10 meses.

Foi depois que sua foto foi parar em um site de emagrecimento, sem autorização, que uma fisioterapeuta de São José do Rio Preto (SP) a conheceu. Ao se comover com a história, ela contou ao marido - que trabalha como cirurgião plástico - e decidiu que ia dar de presente uma abdominoplastia.

Em entrevista ao G1, a fisioterapeuta Silvani Rodrigues afirma que estava no site, quando viu a imagem da jovem. Ela postou um comentário questionando a foto divulgada, já que Miriellen aparecia na imagem sem excesso de pele no abdômen, o que é comum quando se perde muito peso.

O pai de Miriellen, que ficou sabendo que a imagem da filha estava no site, viu o comentário de Silvani e respondeu que a foto estava editada e, na verdade, a jovem lutava para retirar a pele, querendo ser submetida a uma abdominoplastia.

Foi a partir disso que Silvani começou a acompanhar Miriellen nas redes sociais e viu que o sonho dela era ser também fisiculturista.

Miriellen vai realizar uma cirurgia para retirada da pele da barriga em Rio Preto — Foto: Reprodução/Instagram

Miriellen vai realizar uma cirurgia para retirada da pele da barriga em Rio Preto — Foto: Reprodução/Instagram

Presente

Com isso, a moradora de Rio Preto conversou com o marido, José Eduardo Prampero, que é cirurgião plástico. Os dois decidiram que dariam a cirurgia de abdominoplastia para ela.

“Eu vi que ela tinha sonho de ser atleta de fisiculturismo, e eu sei que ela jamais conseguiria sem a cirurgia. Ver toda a evolução dela começou a mexer comigo e eu precisei ajudar alguém que se esforça tanto”, diz.

Silvani entrou em contato com a Miriellen para falar sobre o procedimento, que pode chegar a custar R$ 10 mil.

"Na hora não acreditei porque achei que poderia ser algum tipo de golpe. Mas depois vi que era verdade", conta.

Para o cirurgião, que irá realizar o procedimento, a ideia é ajudar alguém que superou os limites e conseguiu emagrecer com reeducação alimentar e exercícios físicos.

“A ideia foi dar uma cirurgia para uma mulher que é lutadora, batalhadora e que é exemplo para muita gente. Vamos ajudar alguém que está com muita vontade de vencer”, diz Prampero, médico que vai realizar a cirurgia.

O procedimento ainda não tem nada marcada, mas deve ocorrer no segundo semestre deste ano. "Não vejo a hora e será muito bom", diz.

Emagrecimento

Miriellen conta que desde os 5 anos sofria com o sobrepeso. Por causa dos "quilinhos" a mais, teve depressão na adolescência.

Em maio de 2017, resolveu mudar radicalmente de vida e se matriculou em uma academia. Com força de vontade e superação, ela saiu dos 112 quilos que tinha para os 57.

"Tive depressão durante anos por causa do peso, mas sem tratamento. Foi quando comecei a fazer academia e peguei gosto. Fui vendo os resultados e isso me motivava cada vez mais", afirma Miriellen.

Segundo ela, os 10 meses dedicados ao emagrecimento não foram simples. Refrigerantes, doces, frituras e alguns carboidratos foram cortados.

“No começo eu fazia dieta por conta própria, pesquisava muito na internet, então eu cortei o doce, fritura e refrigerante. Também diminui o carboidrato. Nisso eu perdi 20 kg sozinha, em dois meses. Depois disso procurei um profissional e emagreci o restante”, conta.

Miriellen começou a frequentar a academia em maio de 2017 — Foto: Reprodução/Instagram

Miriellen começou a frequentar a academia em maio de 2017 — Foto: Reprodução/Instagram

O amor pelo exercício físico e academia foi tão grande que, agora, ela sonha em ser atleta de fisiculturismo.

"Me apaixonei pelo esporte que me salvou: a musculação. E quero poder levar meu corpo ao extremo do oposto do que eu era”, diz.

A jovem ainda conta que tem um dia de descanso na semana, mas que depois compensa as calorias a mais na academia

“Depois de atingir meu objetivo eu comecei a tirar um dia pra comer o que eu tenho vontade. Mas se eu como muito no sábado, no domingo eu tenho que ir para academia sem falta”, conta a jovem.

*Colaborou sob a supervisão de Marcos Lavezo

Veja mais notícias da região em G1 Rio Preto e Araçatuba