Aeronave fez pouso de emergência na fronteira de MS após pane em motor e foi incendiada

O avião estaria a caminho do Paraguai

Renata Portela Publicado em 09/12/2021, às 12h30

Aeronave será levada para o pátio do Dracco - (Divulgação)

aeronave bimotor, matrícula PT-RTP, que foi encontrada em uma região de plantações em Aral Moreira, a 372 quilômetros de Campo Grande, teria feito um pouso forçado. O avião teve uma pane em um motor e acabou precisando pousar na região de fronteira, na tarde de quarta-feira (8), quando estaria a caminho do Paraguai.

As informações são da delegada Ana Cláudia Medina, do Dracco (Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado), que esteve no local com equipes da Delegacia de Polícia Civil de Aral Moreira. Segundo a delegada, foi constatado que o piloto se preparou para um pouso de emergência.

Isso, porque há indícios de que a aeronave apresentou pane, com perda de potência em um dos motores, e foi preparado pouso emergencial. Tudo indica que o bimotor estava a caminho do Paraguai e a polícia não identificou vítimas. “Há indícios no local de desembarque dos passageiros”, afirmou Medina.

Também conforme a delegada, foi constatado que o incêndio teria sido provocado pelos ocupantes da aeronave, e não acidental. Como a aeronave estava sem condições legais de voo, foi removida e deve ser levada para o pátio do Dracco, em Campo Grande.